sábado, 24 de fevereiro de 2007

? Palavras Erradas ?




Foi assim ontem à noite.

Procurar tirar o peso do mundo de cima dos teus ombros e encontrar em mim apenas e só palavras erradas. Não saber dizer-te as coisas realmente importantes. Não saber mostrar-te as imagens que nos fazem acreditar.

Foi assim ontem.

Querer desintegrar as tuas tristezas sólidas e colocar nas tuas mãos a certeza de um amanhã despido de sombras.

Mas só encontrei as palavras erradas. Só as erradas.

E fiquei aqui sentada, à tua espera amor, a interrogar-me quais seriam as palavras certas. E se eu as saberia dizer...



" This is the land of a thousand words

But it seems so few are worth the breath to say

Except I'll be looking after my own world

And you just keep on saving the day

I'll try to stay but it's in vain when you're far

I'm on the run to wherever you are "

(Land of a thousand words - Scissor Sisters)


29 comentários:

Anónimo disse...

Cláudia,
Muitas vezes quanto mais procuramos as palavras certas, mais erros cometemos...
Muitas vezes, o mais puro dos silêncios é o suficiente. De tão puro e simples que é, consegue transmitir tudo o que aquilo de melhor temos.
"Um gesto vale mais do que mil palavras" :-)
Um sorriso, um olhar, a cumplicidade existente dispensa tudo o que as palavras poderiam expressar.
Com a ausência de palavras nao corremos o risco de sermos mal interpretados, de alguem alterar o que foi dito...

Acredita que apenas o AMOR é a melhor palavra para superar a tristeza.

Assinado
:-) (sabes quem sou)

MalucaResponsavel disse...

So tu, ou ele, saberao rsp a isso, apesar de achar q ja sbs a rsp... bj e mt intenso este txt

Delson disse...

Gosto muito de ler teus textos. Tuas palavras (nem sempre erradas) refletem almas.

O silêncio nem sempre atende às necessidades quando gritar se faz tão necessário à 'libertação' dos sentimentos que insistimos, muitas vezes, em reter em nós, apenas por achar que não sabemos as palavras certas.

"(...)Sei que às vezes uso palavras repetidas,
Mas quais são as palavras que nunca são ditas?
Me disseram que você estava chorando,
Foi então que percebi como lhe quero tanto(...)" (Quase sem querer - Legião Urbana)


Parabéns pelas palavras!
Beijos aqui do Brasil!

Conceição Bernardino disse...

Olá,
Espero que me desculpe forma como faço os meus comentários, mas é pura e verdadeira...
Para mim não chega, dizer está bonito ou lindo – por isso gosto de deixar pensamentos frases de outros autores como presente da minha gratidão e do meu encanto do que leio, do que observo nas imagens e na escrita.
É a minha maneira de ser esta...
A critica faço-as, da forma como somos tratados pelo Estado que ignora os problemas da nossa sociedade e como pouco ligam aos grandes talentos que encontro nos blogs.
Peço desculpa e se alguém não gostar da forma como faço os meus comentários agradecia que me dissessem pois tentarei melhorar.
Sou apenas uma amadora de escrita que escreve pela beleza de sentir na escrita as palavras que me vão na alma e penso que é essa a beleza que encontro naquilo que leio cada um escreve com a sua beleza.
Não quero com isto desrespeitar ninguém até porque as palavras lindas, bonito têm um grande significado no meu vocabulário.
Boa semana
Beijinhos
Conceição Bernardino
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Daniel Aladiah disse...

Basta que digas que amas... e estas palavras bastam.
Um beijo
Daniel

Conceição Bernardino disse...

Olá,
“Não quero honras.
Não pretendo ser líder.
Quero apenas partilhar o que encontrei
E mostrar esses novos horizontes”
Texto escrito por Fernão Capelo Gaivota

Como podemos nós suportar tanta miséria à nossa volta, sinto-me impotente, escrevo para minimizar a dor destes inocentes. Mas será que consigo?
Conceição Bernardino
Beijinhos
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

diz-me... disse...

cada vez gosto mais deste espaço.

Anónimo disse...

Por vezes fico maravilhado com a beleza e a pureza das tuas palavras, dessas letras unidas que são escritas por uma causa real. *

Corneto de Chocolate disse...

Ainda que erradas...

derreto-me todo contigo. :)

Conceição Bernardino disse...

Olá,
«ACONTECE EM MIM UM NOVO AMANHECER,
ALGO VOLTA ACORDAR,
SERÁ LOUCURA DE NÃO TE ESQUECER
OU PAIXÃO DE VOLTAR A AMAR?»

Excerto do livro FRAGMENTOS de “Bruno Pereira”


Vale apena sorrir...um novo dia voltou a nascer...
Conceição Bernardino
Beijinhos
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Joao disse...

Sim, nem sempre sabemos dizer as palavras certas ... mas o que importa é que elas sejam verdadeiras :) depois é só uma questão de fechar os olhos e deixar que a vida nos abrace...

Um beijo

dulce disse...

Por vezes o silêncio e as mãos dadas é suficiente.
BEijos

Luma disse...

pois os pesos são transferidos de maneiras dolorosas, e mesmo assim, talvez não sejam aliviados.

Heloísa Muri Lopes disse...

oi.. achei seu blog muito interessante parabens, conteudos valiosos!
abraços

equipa 6minutos.com disse...

Olá Claudia,

Somos um conjunto de bloggers independentes e criamos um blogue único: 6minutos.com, que, divido por secções, aborda variados temas: Notícias, Artes e Letras, Internet, Tecnologia, Automóveis, Viagens...

Até já!

Conceição Bernardino disse...

Olá,

Povo

Ò povo que trais sem saber
O corpo que cansada da luta não
Pode ver

Ò néscio que não tiveste
Quem a ti te ensinasse
A andar.

Ò triste que caminhas com os
Pés dos outros,
Sem saber no que estás a pisar!

Poema da autoria de LILIANA BARRETO do LIVRO POISEIS II

Desejo-te uma bela semana, na companhia deste belo poema que encantou os sentidos.

Beijinhos ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

O Lobo disse...

As palavras que escolhemos são muitas vezes erradas... somos humanos e quanto mais gostamos de uma pessoa, mais vezes escolhemos palavras erradas.

O problema não é escolher palavras erradas... é uma pessoa não se aperceber que elas o foram.

Graças a todos os erros que cometemos é que nos tornamos pessoas melhores, basta é admitir que o fizémos... por muito que isso nos custe.

Um abraço

paula disse...

Gosto muito do teu espaço , gosto muito daquilo que escreves e da verdade com que o fazes . Percebo que amas muito e que esse amor nem sempre é sereno e pacifico . Eu também amo muito ... muito . Um amor lindo , talvez porque impossivel . Um amor profundo envolvido em limites e ausência . Onde nem sempre as palavras certas também são ditas ... porque o amor requer uma sabedoria que nós nem sempre podemos alcançar .
Parabéns pela tua escrita . Visita-me se quiseres, compreenderás as minhas palavras .
Fica bem .
Paula.

Klatuu o embuçado disse...

Não esperes tanto... :)=

MIGUEL GIRASSOL disse...

não desesperes

Conceição Bernardino disse...

Avancemos com o amor

avancemos com o amor
porque a partir de hoje
esquecemos tudo o que
nos soa a duvidoso
valor estendemos nas
mãos o tecido das nossas
trocas amor vem comigo
retomar o caminho em
que nos soltámos um dia
em passeios pela
alma

Poema da autora “Marita Ferreira” do livro “Múltiplos de ti”

Vale apena reflectir neste poema está cheio de verdade
Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Viola De Lesseps disse...

quando li o titulo do teu blog, pensei para comigo que iria gostar de ler o que nele esta escrito. E acertei.
Boa escrita. Tudo o que fala de sentimentos é bom de se ler.
O meu blog, tambem é feito de palavras que nunca disse.

www.cartasdepaixao.blogspot.com

Um beijo

Conceição Bernardino disse...

Olá,


O mistério da vida é percorrer até ao fim.
Sentir, amar, desfrutar, porque a única certeza que temos...será certamente que um dia iremos morrer...com a esperança que voltaremos a nascer!


Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Conceição Bernardino disse...

Olá,
Dedico-te este poema magnífico da autora “Maria Petronilho”
Com uma bela semana...

Deixar Passar a Poesia

Abrir a voz.
Deixar passar a transparência
Como quem quer matar a sede

Na fonte a mão escorrendo água...

Do livro: Nas Asas do Mar

Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

Paulo Fernando disse...

Certo e errado... Tudo é relativo.

Bjos!

Gostei do espaço!

vero disse...

Olá Cláudia,
já há bastante tempo que não tinha noticias tuas e também perdi a maior parte dos meus links :(
Mas ao passar no blog da Dulce, encontrei o teu novamente :)))

Beijinhos mil***

mac disse...

as palavras serem completamente erradas é tão certo como a possibilidade de dizeres sempre as palavras certas.
porque são ambos os lados improváveis da mesma moeda, tens a vantagem de, em boa verdade, ninguém esperar a perfeição. o que esperam, e podem esperar, é que, de cada vez acertes um pouco mais e estejas mais próximo.

APC disse...

vim do meu post do banco para o teu post do banco! :-)
... Retribuir a visita surpresa! :-)
Gostei mesmo muito do que li!
Deixo um abraço de até já.

Patricia disse...

Sim , de facto escrever ajuda a exorcizar-nos alguns dos nossos demónios . è como um alívio para a alma, como uma limpeza profunda que fazemos a nós mesmas, como desabafar - nos com uma amigo . Não sei o que seria de mim sem o meu braço e a minha visão. Ler e escrever ,´dá me imenso prazer de facto. Tive agora a ler este teu texto, e tambem gostei bastante dele. De facto, há momentos em que as palavras nos escapam entre as mãos e outras vezes, sabemos quais são as palavras certas mas não as conseguimos proferir .

beijinho .